domingo, 26 de junho de 2016

Anjo Maldito Book Triller

ANJO MALDITO - BOOK TRAILER


O LIVRO MAIS ESPERADO DO ANO                                                            


     



SINÓPSE



“E disse Deus, haja luz, e houve luz, e viu Deus que tudo que havia feito era bom. E fez o homem e viu que não era bom que o homem vivesse só, e fez para si uma companheira, carne de sua carne e seu nome era Eva...”

A história, porém não foi bem assim, pois Eva não foi a primeira esposa de Adão, a história que os religiosos sempre procuraram omitir da humanidade está a ponto de vir a tona.

Lilith a primeira humana criada por Deus, mas não da carne de Adão, se revolta e não se submete ao homem e nem ao seu criador, é expulsa do paraíso e promete vingança, foi até o submundo e fez um pacto com o príncipe do inferno, e após milhares de anos ela está pronta para reivindicar o que diz ser seu por direito. Lilith se intitula a rainha do mundo e considera todos os homens seus lacaios, e todas as mulheres suas escravas.

Um portal está prestes a se abrir e o mundo nunca mais será o mesmo, grandes sinais começam a aparecer em todo o mundo e não seria diferente no  Brasil.

Uma sociedade secreta trabalha para abrir o caminho entre o mundo paralelo e o nosso. São portadores de grandes segredos: uma estrela, cinco pontas, cinco almas, cinco templos, cinco religiões, cinco mortes.  Para que essas mortes aconteçam, e se cumpra a profecia, muitas outras vidas serão perdidas.

Outra mulher com um dom especial trabalhará para evitar que o mundo pereça na escuridão. Elisabeth, uma detetive do departamento de polícia civil de São Paulo empenha todos os seus esforços para deter os assassinatos, porém não imagina o que está por vir, ela pensou que estava a procura de mais um assassino serial, quando na verdade estava diante de um grande e maligno poder obscuro e caberá a ela deter este ser que está prestes a escravizar a humanidade.


O NOSSO MURO DA VERGONHA








O caos que vem se apresentado nos países em conflito ou com falta de suplementos básicos como comida e água e na sua maioria pelos dois motivos tem crescido assustadoramente a cada dia, e a migração pelo mundo é a única opção para tentar sobreviver, a guerra, violência física e sexual, fome e miséria, doenças e acima de tudo a falta de um estado que os acolha e os protejam, faz com que essas populações fujam de suas terras natal, que busquem um pouco de vida digna em uma terra estranha, com culturas diferentes, pensamentos diferentes, gastronomia, interesses, religiões e centenas de outros fatores que os diferencia de outras raças, e esse choque cultural assustador principalmente para mulheres e crianças, que se veem desprotegidos e expostos a exploradores sexuais e sequestradores, que tem seus direitos rasgados e jogados nas valas, muitas vezes juntos aos seus próprios corpo.
Esse cenário é assustador e deixa o mundo estarrecido...
Ou deveria deixar.
Porém o que se esperava de um mundo ocidental que se diz liberalista, multirreligioso e com a mente aberta, era no ,mínimo acolher essa população massacrada e carente de um sorriso e de uma mão estendida que os acolhessem e desse ao menos uma vida com um pão e um copo d’água, o que nem mesmo os mais perigosos presidiários destes países tem, pois até mesmo os presos são melhor tratados do que esses irmão que nos imploram para permanecerem vivos.


O mundo que se diz globalizado resolveram se fechar para proteger suas economias, seus povos brancos de olhos coloridos, seus bens, e que constroem muros de preconceitos para não serem obrigados a olhar além deste, pois as mortes dos outros não nos interessa, o sofrimentos dos outros não nos dizem respeito, essas guerras não são nossas, deixem que eles se resolvam, e se morrerem, que morram.
O que estamos fazendo diferente deles? Eu respondo. Nada!
Somos iguais aos assassinos e terroristas que acabam com sua população por puro preconceito e mero partidarismo, matam os seus pelo poder absoluto do estado, defendem suas ideologias animais e fascistas.
E o mundo liberal ocidental mostra-se hoje um mundo perverso onde a morte de uma criança não representa nada, o sequestro e estupro de mulheres e o massacre de milhares de homens, idosos e todo tipo de raça, religião e gênero, não nos atinge, desde que seja do outro lado do mundo, do outro lado do muro.
O mundo não está percebendo, mais estamos aos poucos criando homens bomba deste lado do muro também, estamos criando fascistas, nazistas que buscam a raça pura, isolados dos demais povos, estamos criando crianças e jovens que já não se comovem com as mortes e o sofrimento dos outros, somente por que a pele, o olho, o idioma e diferente dos seus, estamos criando robôs para um futuro próximo.
Mais isso não é novo na história do mundo, pois bem podemos lembrar que milhares de anos atrás os egípcios já perseguiam o povo hebreu, pois se denominavam uma raça superior e não queriam se misturar, os romanos perseguiam qualquer um que fosse contra a igreja, os portugueses e espanhóis tratavam os negros como meros animais e os fazia trabalhar como tal, os alemães já se denominavam  a população separada e milhares foram mortos por esses pensamentos, os sul africanos se destacam do restante da África como se fossem muito melhores e superiores a estes, os latinos sempre formam discriminados pela América central, os nordestinos sempre foram descriminados pela população que moram na região sul e sudeste do Brasil, mesmo tendo na maioria das vezes em suas raízes o sangue guerreiro dos nordestinos.
Então por que nos assustarmos se os outros estão morrendo? Desde que isso não chegue até mim, desde que essa praga migratória não nos atinja, que morram aos montes, seja por fome, por violência, ou por doença, morram do outro lado do muro enquanto nós ocidentais sentamos em nossas poltronas e engordamos com uma garrafa de Coca-Cola e uma deliciosa pizza portuguesa, e assistimos a esse massacre que assola parte da população da qual começou a história do mundo.
E um dia não importa se teremos essa população que descendem das belas histórias antigas da bíblia, pois temos os livros.
E isto nos basta.


segunda-feira, 20 de junho de 2016




Estado Islâmico, os juízes do mundo


Incrível como um grupo extremista cresce e se manifesta da forma horripilante em que o Estado Islâmico faz, um inimigo do mundo, dos gêneros, das raças, onde somente as leis deles são válidas, leis estas que não há base histórica, nem jurídica e muito menos humana.
Um grupo de assassinos que vem ao longo dos anos recrutando e formando seu exército com pessoas tão doentes ou até pior do que eles mesmo.
Uma ideologia falha e desestruturada que precisa ser parada imediatamente e acima de tudo extinta da face da terra.
O que esperar de um grupo de abutres que degolam pessoas diante de câmeras, que queimam pessoas vivas em uma gaiola como se fosse os mais vis animais, matam mulheres e crianças se se recusarem a práticas sexuais, julgam homossexuais e condenam a morte jogando do topo dos prédios após serem estuprados por eles mesmos, quer dizer que quem estupra um homossexual não está praticando a mesma homossexualidade?


Assassinaram jornalistas por criticarem suas ideologias, mataram dezenas em um café em Paris e outras dezenas em uma boate em Orlando. Esses números nada se comparam aos milhares que esse grupo de abutres vem executado em todo o mundo com base em uma seita desumana.
O Mundo não pode assistir a isso sem nada fazer, o mundo precisa se unir para destruir essa ameaça humana para que não cresça mais do que até agora, para que as pessoas se conscientizem do quão demoníaco é compactuar com esse grupo extremista assassino.
Os líderes mundiais precisam de uma vez por toda se unir para combater e riscar do mapa essa ideologia, as pessoas precisam denunciar, precisam fazer uma corrente do bem para neutralizar esse mal que como a peste negra está dizimando milhares de pessoas sem uma causa concreta, apenas pelo bel prazer de matar e destruir.






quinta-feira, 9 de junho de 2016

O ABOMINÁVEL PENSAMENTO DO HOMEM E A CULTURA DO ESTUPRO



MC Biel declarou que beijou em apenas uma semana 300 mulheres.
Pegando uma calculadora percebemos que ele beijou cerca de 42 mulheres por dia, como o nosso dia tem apenas 24hs. Ele beijou uma mulher e meia a cada 1 hs.
Coitado do MC Biel, não dormiu, mal comeu, ou talvez tenha “comido” mas não tomou banho, não fez shows, não assistiu, não foi ao banheiro não saiu, ou se fez essas coisas foi muito rápido.
Porém em uma entrevista onde perguntou se a profissional de imprensa gostaria de fazer a entrevista SENTADA no colo dele, não se assustem, isso não é nada comparado ao que estava por vim, pois ele descaradamente chamou a repórter de gostosinha apesar de não ser famosa e ainda falou que se pegasse ela quebrava no meio, em outro momento falou a uma repórter que ela podia ficar por último que eles terminariam a entrevista no hotel.
Eu me pergunto, uma pessoa que alega beijar 300 mulheres por semana precisa sair por aí atirando em todas as direções? Creio que não, ou o MC Biel tem um problema sério de personalidade e precisa ser acompanhando por um profissional da psiquiatria ou pelo menos trocar a assessoria.
Espantamo-nos com a atitude deste garoto ao proferir essas palavras ofensivas e racistas as mulheres, talvez por ele ser alguém da mídia, quando na verdade esse é o pensamento de milhares de homens por todo o mundo e não seria diferente no Brasil, ele apenas falou o que muitos não tem coragem mas pensam.
Uma vergonha um acontecimento deste uma semana após uma jovem ter sido estuprada por vários homens, e em um país que tem o índice de estupro e agressões altíssimos, vem um garoto despreparado psicologicamente e pessoalmente e solta que ESTUPRARIA a repórter que o entrevistava.
Não importa quem seja ou o que faça, o certo é que tem que ser punido, se o pensamento dele é de estuprador ele tem que ser tratado como tal.
Não satisfeito ainda com toda essa polêmica esse tal funkeiro após ser criticado por um comediante, soltou via Twitter uma ameaça à vida deste comediante, mostrando assim e confirmando sua índole.
Atitudes como a desta pessoa despreparada que acha que porque tem fama ou um rostinho bonito está acima do bem e do mal, porém tem que saber que está abaixo da lei, e abaixo do respeito que as mulheres que se presam tem, pois uma mulher que se submete a uma humilhação desta, de ir para a cama ou beijar apenas por que é famoso, mesmo sabendo que isso não a levará a lugar nenhum a não ser a o status de ser usada e jogada fora, não representa as demais mulheres que como essa repórter não se submete a esse tipo de agressão e chantagem, são mulheres dignas de suas belezas, dignas do respeito, são mães, irmãs, filhas que merecem a proteção da sociedade e do estado e que sempre irão repudiar a cultura do estupro.
Após muita repercussão este personagem a público pedir desculpas, como se após ser pressionado pela mídia isso fosse mudar tudo e até mesmo a forma dele pensar, pois não será esse pedido de desculpas mas sim as atitudes daqui para a frente, o respeito que ele terá que demostrar pelo ser humano e principalmente pelas MULHERES.